Acidente de barco com turistas chineses acende o debate sobre seguro viagem obrigatório na Tailândia

31 de Julho de 2018

Acidente de barco com turistas chineses acende o debate sobre seguro viagem obrigatório na Tailândia

Governo tailandês gastou 1,9 milhão de dólares em indenizações aos parentes das vítimas, reforçando os argumentos pela defesa da medida

Um grave acidente de barco que matou 47 turistas chineses na Tailândia em 2017 e gerou uma drástica redução do número de turistas chineses no país do Sudeste Asiático foi o responsável por colocar em discussão, mais uma vez, a proposta de tornar compulsória a contratação de seguro viagem para turistas estrangeiros. Os custos com indenizações às famílias das vítimas custou ao governo tailandês a cifra de US$ 1,9 milhão, fortalecendo os argumentos dos que defendem a medida. Os chineses são os estrangeiros que mais visitam o País a turismo.

A ideia do seguro viagem compulsório já havia, porém, sido aventada anteriormente, quando as autoridades estimaram que os custos médicos hospitalares do sistema de saúde público com turistas estrangeiros alcançaram a cifra de US$ 9.2 milhões.

Outro argumento para a instituição do seguro obrigatório é o fato de a Tailândia ser considerado um dos lugares com mais riscos do mundo, baseado em número de sinistros de seguro registrados.

Fonte: Travel Wire Asia

 

© Copyright 2016 | CNseg | Rua Senador Dantas 74, 13º andar - Centro - Rio de Janeiro, RJ - CEP 20031-205 | Tel. 21 2510 7777