Cibercrime deve custar às empresas US$ 5,2 trilhões em cinco anos em todo o mundo

18 de Fevereiro de 2019

Cibercrime deve custar às empresas US$ 5,2 trilhões em cinco anos em todo o mundo

Leia esta e outras notícias no Boletim GFIA

Boletim de Monitoramento | 12 de fevereiro de 2019

Sobre a GFIA

A Federação Global de Associações de Seguros (GFIA, na sigla em inglês) é uma associação sem fins lucrativos criada para representar as associações de seguros nacionais e regionais que atendam aos interesses gerais das empresas de seguro de Vida, Saúde, Seguros Gerais e Resseguro. A instituição tem como objetivo fazer representações aos governos nacionais, reguladores internacionais e outros em nome do mercado segurador mundial. Com 40 instituições associadas, entre elas a CNseg, a GFIA representa cerca de 87% do total de produção de prêmio de seguros no mundo.

Semanalmente, a GFIA distribui aos seus membros um Boletim com um compilado de consultas, publicações e notícias com o objetivo de contribuir para um diálogo internacional sobre questões de interesse comum do mercado segurador.

Para mais informações sobre a GFIA, acesse seu site institucional: www.gfiainsurance.org/en.

Consultas e Publicações Recentes

  • No dia 6 de fevereiro, o Fundo Monetário Internacional (FMI) publicou seu gráfico da semana sobre o dividendo digital da China.
  • No dia 8 de fevereiro, o Financial Stability Board (FSB) publicou as respostas públicas à consulta sobre recursos financeiros para apoiar a resolução da CCP (Central Clearing Counterparties) e o tratamento para a resolução de ações sob a posse de CCPs.
  • No dia 12 de fevereiro, o FMI publicou um documento de orientação  sobre a inclusão financeira de pequenas e médias empresas no Oriente Médio e na Ásia Central.
  • Em 12 de fevereiro, o FSB publicou seu programa de trabalho anual de 2019.

Recortes de Imprensa

Tecnologia

50 bilhões de pares de olhos (The Actuary) Trevor Maynard investiga como a Internet das Coisas (IoT) pode atrapalhar ou ajudar a indústria de seguros…

Inteligência artificial, precificação algorítmica e conluio (VoxEU.org) As agências antitruste estão preocupadas que os algoritmos de precificação autônomos, cada vez mais usados ??por fornecedores online, possam aprender a conspirar…

Cibercrime deve custar às empresas US$ 5,2 trilhões em cinco anos em todo o mundo (The Actuary) Ciberataques podem atingir empresas com $ 5.2 tri (£4 tri) ??em custos adicionais e perda de receita nos próximos cinco anos, segundo a pesquisa da consultoria Accenture.

Como as seguradoras podem enfrentar os desafios de privacidade de dados (Digital Insurance) Com toda a atenção dedicada à privacidade de dados, muitos americanos estão se perguntando quem está procurando suas informações pessoais online e muitas organizações estão buscando alinhamento em relação à exigências de compliance e se preparando para mudanças futuras…

Unidade Swiss Re lança nova proposta cibernética (Insurance Business Magazine) A Swiss Re Corporate Solutions tem uma nova oferta de proteção cibernética especialmente projetada para pequenas e médias empresas (PMEs)…

O mercado cibernético está indo rápido demais para os subscritores de seguros? (Insurance Business Magazine) Os riscos emergentes podem fornecer oportunidades interessantes para as empresas de seguros buscarem o crescimento orgânico…

As tecnologias emergentes apresentam poucas habilidades especializadas para serviços financeiros (The Actuary) As instituições financeiras estão buscando tecnologias emergentes em uma taxa maior do que a maioria das empresas do mercado vertical, e estão enfrentando uma profunda escassez...

Macroeconomia e Resseguro

Conflitos comerciais e protecionismo superam as principais preocupações dos CEOs: PwC (Reinsurance News) Fatores econômicos, incluindo conflitos comerciais, incerteza política e protecionismo surgiram como as principais preocupações dos líderes globais empresariais, de acordo com uma nova pesquisa da PwC…

Governança e regulação mais fortes para o setor financeiro após Royal Commission (Asia Insurance Review) Além da consolidação na corretagem hipotecária e, em menor escala, mudanças nas vendas de seguro de vida, não são esperadas grandes mudanças na estrutura ou cenário competitivo da indústria de serviços financeiros após a implementação das recomendações da Royal Commission sobre má conduta na indústria bancária, de pensões e de serviços financeiros…

Reformas previstas nos países atraem seguradoras japonesas de olho em fusões e aquisições (Asia Insurance Review) As seguradoras japonesas devem intensificar suas buscas em novos mercados na Ásia e principalmente a China, no topo de sua lista de desejos, e fontes do setor bancário e de seguros...

O envelhecimento da população pode dificultar o enriquecimento do país (Asia Insurance Review) O envelhecimento da população da China está ocorrendo mais rápido do que o ritmo de desenvolvimento econômico, colocando sérios riscos e desafios para a sociedade, de acordo com um relatório emitido no mês passado pela Associação Chinesa de Bem-Estar, uma organização sem fins lucrativos, e a Faculdade de Medicina da União de Pequim, um dos principais…

A AXA mira no mercado de seguros de viagem da China usando o aplicativo WeChat (Reinsurance News) A AXA está visando o lucrativo mercado de seguros de viagem da China com uma nova oferta que é integrada diretamente ao aplicativo móvel WeChat…

Comitê recomenda abordagem de “sandbox” regulamentar para inovações de seguros (Asia Insurance Review) Um comitê do regulador de seguros indiano, IRDAI, recomendou que um ambiente facilitador para apoiar a implantação de inovação técnica, semelhante ao dos produtos FinTech, seja criado para o seguro…

Chefe do setor regulador pede que seguradoras coloquem “gaps” de proteção (Asia Insurance Review) O déficit de proteção na Índia está entre 70% e 80% e as seguradoras precisam agir sobre essa situação, disse o presidente do IRDAI, Subhash Chandra Khuntia,…

Datas são estabelecidas para que seguradoras estrangeiras enviem propostas para empreendimentos locais (Asia Insurance Review) As propostas para a criação de empreendimentos de propriedade estrangeira em Mianmar devem ser apresentadas até 1º de março, enquanto as manifestações de interesse relacionadas à formação de joint ventures de vida e não-vida em Mianmar devem ser enviadas por seguradoras estrangeiras...

Outros assuntos     

As perguntas que as seguradoras deveriam estar fazendo sobre o IFRS 17 (Insurance Business Magazine) As companhias de seguros em todo o mundo estão se preparando para implementar IFRS 17 - uma nova norma internacional de contabilidade para contratos de seguro, proposta pelo International Accounting Standards Board (IASB)…

Jad Ariss da AXA nomeado secretário-geral da The Geneva Association (Reinsurance News) A Associação de Genebra, uma das principais empresas internacionais que atua como um laboratório de ideias da indústria de seguros, nomeou Jad Ariss Secretário Geral, a partir de 1 de março…

Tempestades de inverno e frio extremo provocam danos bilionários (The Actuary) A empresa Aon lança sua Recapitulação Global de Catástrofes - Janeiro de 2019. O relatório avalia o impacto de eventos globais de desastres naturais para identificar tendências, gerenciar a volatilidade e melhorar a resiliência…

*Permitida a reprodução desse material, desde que citada a fonte
© Copyright 2016 | CNseg | Rua Senador Dantas 74, 13º andar - Centro - Rio de Janeiro, RJ - CEP 20031-205 | Tel. 21 2510 7777