UE suspende importações brasileiras de carne

20 de Março de 2017

UE suspende importações brasileiras de carne

China, Chile e Coreia do Sul também paralisam compras à espera de esclarecimentos

A Comissão Europeia decidiu suspender as importações de carne do Brasil das empresas envolvidas no escândalo de propina para liberação de mercadorias adulteradas e estragadas e recomendou aos países membros que redobrem a inspeção nos produtos de frigoríficos brasileiros. Também o Chile, a China e Coreia do Sul anunciaram a suspensão temporária dos embarques de carnes do País.

Na sexta-feira, a Polícia Federal efetuou uma operação para desarticular uma organização criminosa envolvendo fiscais agropecuários e cerca de 40 empresas, incluindo as gigantes BRF e JBS. A investigação identificou fraudes na fiscalização sanitária, com o pagamento de propina para liberação de mercadorias adulteradas e estragadas. "A Comissão garantirá que quaisquer dos estabelecimentos implicados na fraude sejam suspensos de exportar para a UE", disse um porta-voz da Comissão Europeia em coletiva de imprensa regular.

A China suspendeu a entrada de carne brasileira no País até o Brasil prestar esclarecimentos sobre suposto esquema de fraude divulgado pela Polícia Federal envolvendo pagamento de propina para liberação de produtos sem fiscalização.

A Coreia do Sul decidiu aprofundar a fiscalização da carne de frango importada do Brasil e banir temporariamente as vendas de produtos da BRF após o escândalo deflagrado pela Operação Carne Fraca na semana passada.

Mais de 80% das 107.400 toneladas de frango importadas pela Coreia do Sul no ano passado vieram do Brasil, sendo quase metade fornecida pela BRF.

O presidente Michel Temer tem tentado acalmar temores em relação à carne brasileira, um produto-chave para as exportações do País, após a operação da PF. Um das ações será a criação de uma força-tarefa para fazer auditorias nos frigoríficos citados nas irregularidades. 

© Copyright 2016 | CNseg | Rua Senador Dantas 74, 13º andar - Centro - Rio de Janeiro, RJ - CEP 20031-205 | Tel. 21 2510 7777