Como são calculados os reajustes nos planos de saúde?

28 de Dezembro de 2017

Como são calculados os reajustes nos planos de saúde?

O Sr. Dúvidas esclarece, no Boletim Entenda o Seguro

Os reajustes dos preços dos planos de saúde são necessários para repor o equilíbrio da carteira segurada, impactada pelos custos elevados dos serviços médico-hospitalares, manter a solidez da operadora e ainda dar continuidade ao padrão de qualidade das coberturas contratadas. Entretanto, a correção nos preços continua a não ser bem compreendida pelos segurados. Em novo episódio do programa “Boletim Entenda o Seguro”, do Canal Seguro, no YouTube, o personagem Senhor Dúvida aprende um pouco mais sobre o que pode influenciar o cálculo das mensalidades dos planos e como pode contribuir para mantê-los sob controle.

O apresentador Ronaldo Rosas explica ao Senhor Dúvida que o aumento dos preços dos honorários médicos e dos materiais é um dos fatores levados em conta na hora de calcular o reajuste dos planos. Além disso, a alta demanda de pedidos de exames, procedimentos, internações e terapias também influenciam nos preços. “O uso de novas tecnologias e novos medicamentos são melhorias para os beneficiários que vão alterar os custos, podendo fazer com que o índice de reajuste suba”, completa Rosas. Confira abaixo.

*Permitida a reprodução desse material, desde que citada a fonte
© Copyright 2016 | FenaSaúde | Rua Senador Dantas 74, 8º andar - Centro - Rio de Janeiro, RJ - CEP 20031-205 | Tel. 21 2510 7777