Voltar ao topo

Conheça os 10 maiores riscos para seguradoras em 2020

Lista foi elaborada pela consultoria internacional Willis Towers Watson, que ouviu mais de 100 executivos do setor mundial de seguros. Essa e outras notícias no Boletim GFIA

20 de Fevereiro de 2020 - GFIA

 

Boletim de Monitoramento | 11 de Fevereiro de 2020

 

A empresa internacional de consultoria Willis Towers Watson divulgou os resultados de sua pesquisa Top 10 riscos mais perigosos para as seguradoras em 2020. O crime cibernético, a tecnologia disruptiva e a relação tarifação / resultado são os três principais riscos mais perigosos, afirma a investigação com mais de 100 executivos do setor mundial de seguros. Ainda segundo a empresa, as respostas mostram que, depois de quatro anos de estabilidade dos riscos apontados, houve mudanças relevantes nas preocupações dos executivos. O crime cibernético é um exemplo dos riscos que escalaram o ranking. O presidente da Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg), Marcio Coriolano, acredita que “ainda que a essência das seguradoras esteja ligada a gestão de riscos de diversas naturezas, um ataque cibernético apresenta um fator agravante: o “risco desconhecido” ou “oculto”. Não é ao acaso que o ciberataque está listado como número 1 dos riscos mais perigosos para as seguradoras em 2020. Na medida em que governos e organizações estão cada vez mais imersos no mundo digital, as vulnerabilidades para um eventual ataque aumentam significativamente”..

 

Sobre a GFIA

A Federação Global de Associações de Seguros (GFIA, na sigla em inglês) é uma associação sem fins lucrativos criada para representar as associações de seguros nacionais e regionais que atendam aos interesses gerais das empresas de seguro de Vida, Saúde, Seguros Gerais e Resseguro. A instituição tem como objetivo fazer representações aos governos nacionais, reguladores internacionais e outros em nome do mercado segurador mundial. Com 40 instituições associadas, entre elas a CNseg, a GFIA representa cerca de 87% do total de produção de prêmio de seguros no mundo.

Semanalmente, a GFIA distribui aos seus membros um Boletim com um compilado de consultas, publicações e notícias com o objetivo de contribuir para um diálogo internacional sobre questões de interesse comum do mercado segurador.

Para mais informações sobre a GFIA, acesse seu site institucional: http://www.gfiainsurance.org/en/.

 

Consultas e Publicações Recentes 

No dia 04 de fevereiro, o Fundo Monetário Internacional (FMI) publicou um discurso do diretor-geral Roberto Azevêdo, na Conferência da Associação Internacional de Comércio de Washington, que focou na necessidade de liderança e envolvimento político para modernizar a OMC.  

No dia 04 de fevereiro, a Willis Towers Watson publicou em seu blog um post sobre os resultados de sua pesquisa sobre os riscos mais perigosos para as seguradoras em 2020. 

No dia 06 de fevereiro, a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) publicou um documento sobre a revisão do padrão mínimo do Projeto BEPS (Erosão Base e Transferência de Lucros) (Ação 13 do BEPS), como parte do trabalho em andamento relacionado à tributação do Quadro Inclusivo OCDE / G20 sobre BEPS. 

No dia 06 de fevereiro, Willis Towers Watson publicou um artigo que analisa as últimas decisões do International Accounting Standards Board (IASB). 

No dia 10 de fevereiro, a OCDE publicou um documento sobre as disposições da nação mais favorecida e não discriminação no direito comercial internacional dos códigos de liberalização da OCDE, como parte de seus documentos de trabalho sobre investimentos internacionais.

 

Recortes de Imprensa 

  • Tecnologia

Hackers estão usando um novo método para atacar empresas - o Coronavírus (Insurance Business Magazine) Com o surto de coronavírus nas manchetes globais, a ameaça de outro vírus - do tipo cibernético - paira à distância…

Especialista da AXIS investiga o aumento da conscientização sobre riscos cibernéticos (Insurance Business Magazine) Na última conferência cibernética da NetDiligence realizada em Londres, o chefe de desempenho de subscrição de cibernética e tecnologia da AXIS Capital, James Creasy (foto), contribuiu para uma discussão sobre guerra cibernética e exclusões…

Mais (ou menos) limites econômicos da blockchain (VoxEU.org) Criptomoedas como Bitcoin dependem de um esquema de 'prova de trabalho' para permitir que os “nós da rede” “concordem” em anexar um bloco de transações à blockchain, mas isso esquema requer recursos reais (um custo) do nó…

Novo malware que afeta os usuários de bancos on-line engana os usuários (Insurance Business Magazine) Um novo malware está se espalhando entre os usuários de bancos on-line, roubando suas senhas desativando qualquer função de preenchimento automático que seus dispositivos possam ter e forçando-os a redigitar manualmente suas senhas à medida que o malware copia os dados…

O seguro será o "principal produto" da Tesla, sugere Elon Musk (Reinsurance News) Elon Musk, CEO da fabricante norte-americana de veículos elétricos Tesla, acredita que o seguro se tornará um dos principais produtos da Tesla. Ele acredita que o seguro se tornará um produto importante da empresa ao longo do tempo, pois planeja oferecer um aplicativo de carona com sua própria cobertura de motorista em um futuro próximo…

 

  • Macroeconomia e Resseguro

Planos econômicos chineses para gerar crescimento de resseguros: Swiss Re (Reinsurance News) Os próximos planos econômicos de cinco anos da China provavelmente gerarão crescimento do setor de resseguros em produtos do tipo proteção, seguros mútuos, de saúde e previdência, bem como infraestrutura e outras oportunidades de negócios, de acordo com um novo relatório…

Regulador emite novas regras para ajustar os prêmios de seguro (Asia Insurance Review) O CBIRC emitiu ontem novas regras que deixariam os prêmios de seguro de vida mais baratos, pois o surto do novo Coronavírus vem se espalhando por todo o país…

Regulador pede que as seguradoras ofereçam produtos relacionados ao Coronavírus (Asia Insurance Review) O principal órgão regulador bancário e de seguros da China aprimorará a supervisão de serviços de seguros em meio ao surto do Coronavírus em Wuhan, na China (2019-nCoV), incentivando as empresas de seguros de vida a oferecerem produtos que atenuem o impacto do surto...

Governo Indiano anuncia nova fusão de seguradoras gerais estatais provavelmente até março; IPO não confirmado (Asia Insurance Review) O governo provavelmente anunciará a fusão de três companhias de seguros gerais estatais - National Insurance, United India Insurance e Oriental Insurance - até o final de março, disse o secretário de Finanças Rajiv Kumar…

A falta de menção de regras mais liberais de IDE surpreende o setor de seguros (Asia Insurance Review) Os participantes do setor de seguros na Índia expressaram surpresa pelo fato das regras de investimento direto estrangeiro (IDE) na indústria não conseguiram ser mencionadas no orçamento 2020-21, que foi divulgado na semana passada…

Três seguradoras estatais alocaram fundos para melhorar a solvência (Asia Insurance Review) A ministra das Finanças Nirmala Sitharaman reservou, no Orçamento da União 2020-21, INR 69,5 bilhões (US$974 milhões) para a recapitalização das três companhias de seguros gerais do setor público - National Insurance, Oriental Insurance e United India Insurance

A participação de mercado das seguradoras estatais indianas cai para o menor nível histórico (Insurance Business Magazine) As seguradoras gerais estatais da Índia estão vendo sua participação de mercado encolher, caindo abaixo dos 50% pela primeira vez em 2018-2019, de acordo com um estudo da GlobalData…

Proposta de “holding” para excluir seguradoras com problema constantes (Asia Insurance Review) O Ministério das Empresas Estatais (BUMN) afirmou que o iminente estabelecimento de uma companhia estatal de seguros, prevista para o final deste mês, não incluiria a Asuransi Jiwasraya, afetada financeiramente, como subsidiária na…

 

  • Outros

As transações de fusões e aquisições de seguros totalizam US$ 12,92 bilhões em dezembro de 2019 (Actuarial Post) O total de negócios de fusões e aquisições do setor de seguros em dezembro de 2019, no valor de US$ 12,92 bilhões, foi anunciado globalmente, de acordo com o banco de dados de negócios da GlobalData…

A detecção de fraude economiza à Allianz UK £ 65,2 milhões (Insurance Business Magazine) "Outro ano recorde para o sucesso da fraude", é como a Allianz Insurance Plc descreveu 2019, revelando o quanto foi capaz de economizar, graças à detecção de fraude…

 

CONTEÚDOS RELACIONADOS