Voltar ao topo
image/svg+xml

Hidrogênio verde é matéria de capa da nova edição da Revista de Seguros

Confira também a entrevista exclusiva com economista Vilma da Conceição Pinto, da IFI, do Senado

12 de Novembro de 2021 - Revista de Seguros

 

O hidrogênio, combustível capaz de assegurar protagonismo na busca de energia limpa, é o tema da matéria de capa da nova edição da Revista de Seguros (nº 918). Trata-se da principal aposta para substituir os hidrocarbonetos na maioria das suas aplicações, incluindo combustível para transporte e insumo para a produção de matérias-primas básicas como aço, no lugar do carvão, e produtos químicos, como já ocorre na cadeia dos fertilizantes nitrogenados. Produzido a partir de fontes limpas como a hídrica, a eólica e a solar, da qual o Brasil é rico, ele é o chamado hidrogênio verde.

A entrevistada desta edição é a economista Vilma da Conceição Pinto, 31 anos, que assumiu a direção da Instituição Fiscal Independente do Senado (IFI). Graduada em Economia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e mestre em Economia Empresarial e Finanças pela Fundação Getúlio Vargas, ela conta como foi superar barreiras por ser mulher e negra e avalia impactos de decisões do atual Governo, com impactos econômico e fiscal rele­vantes.

Em tempos de emergência climática, o Brasil assume compromisso de conter o desmatamento ilegal da Amazônia durante a 26ª Conferência Climática da ONU (COP 26), realizada em Glasgow, na Escócia. Até aqui, na maior floresta tropical do mundo há um avanço do desmatamento desde 2019 - mais de 10 mil quilômetros quadrados de mata por ano.

Outra matéria trata do setor de turismo, um dos mais afetados com as restrições à mobilidade em razão da pandemia. Pelas contas da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o setor apresentou perdas da ordem de R$ 341 bilhões no período, mas começa sua recuperação à medida que avança o número de pessoas vacinadas.

Nesta edição, apresentamos aos leitores um encarte especial sobre a Conseguro 2021, evento da Confederação Nacional das Seguradoras e o maior do mercado segurador brasileiro, realizado de 27 de setembro a 1º de outubro. A primeira Conseguro totalmente virtual entra para a história do mercado não só pelos números recordes de audiência (6 mil participantes) como também pelos mais de 100 palestrantes, moderadores e debatedores que participaram dos cinco blocos de temas da atualidade e do futuro: economia, infraestrutura, questões ASG, consumidores e regulação governamental, em 40 horas de programação. Foi consenso que o mercado de seguros terá um protagonismo ainda maior em cercar de proteção uma sociedade que se defrontará com riscos adicionais causados pelas mudanças climáticas e avanço dos crimes cibernéticos, enquanto se recupera dos danos da pandemia da Covid-19. Neste encarte, matérias que não se limitam a apresentar problemas, mas também a revelar ações e múltiplas visões para o equacionamento dos desafios, ensejando propostas do interesse da sociedade.

Confira abaixo a publicação na íntegra

 

CONTEÚDOS RELACIONADOS

© Copyright - CNseg

© Copyright - FenSeg

© Copyright - FenaPrevi

© Copyright - FenaSaúde

© Copyright - FenaCap

© Copyright - Educação em Seguros

© Copyright - Poder Público