Voltar ao topo
image/svg+xml

Setor segurador prevê crescimento no pós-pandemia com auxílio de boas métricas de ESG, informa a Revista Forbes

06 de Outubro de 2021 - Imprensa

“Garantir proteção presente e futura, tendo em vista o atual cenário de incertezas” é, agora, o grande desafio, afirmou o Presidente da CNseg, Marcio Coriolano, em entrevista para a última edição da Revista Forbes.  

A publicação informa que as companhias que atuam no mercado segurador, atentas às mudanças de comportamento do consumidor, projetam um cenário de crescimento no pós-pandemia, colocando o seguro e a previdência no centro das decisões financeiras das famílias.  

Entretanto, para serem mais resilientes e gerarem mais valor a longo prazo, as empresas do setor também buscam ter boas métricas de ESG, como informou a Diretora-Executiva da CNseg Solange Beatriz Mendes. Segundo ela, essas empresas “gerenciam melhor os riscos e oportunidades socioambientais e têm governança robusta, o que lhes permite atravessar com mais tranquilidade períodos turbulentos como os atuais”. 

Atualmente, a maioria absoluta das seguradoras adota critérios ambientais, sociais e de governança em seu planejamento estratégico, informa a Forbes, com base no Relatório de Sustentabilidade do Setor de Seguros 2020, lançado durante a Conseguro 2021, no final de setembro.  

CONTEÚDOS RELACIONADOS

© Copyright - CNseg

© Copyright - FenSeg

© Copyright - FenaPrevi

© Copyright - FenaSaúde

© Copyright - FenaCap

© Copyright - Educação em Seguros

© Copyright - Poder Público