Voltar ao topo

Solange Beatriz participa de debate sobre protagonismo feminino no seguro

Diretora Executiva falou da presença da mulher no setor segurador em live da TV CQCS no Youtube

12 de Março de 2021 - Eventos

A Diretora Executiva da Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg), Solange Beatriz Palheiro Mendes, participou do webinar “Essas incríveis mulheres do seguro – bate-papo sobre o protagonismo feminino”, organizado pelo Centro de Qualificação de Corretores de Seguro (CQCS), nesta sexta-feira (12/03). Após um histórico sobre sua longa trajetória públoca e privada, a diretora Solange Beatriz afirmou que a participação das mulheres no mercado de seguros está cada vez maior. No entanto, frisou que é obrigação das empresas se empenhar em colocar metas para diminuir a diferença de gênero que ainda existe na lotação de cargos. 

“O mercado, hoje, reconhece a importância de se valorizar a diversidade. As mulheres já são maioria no setor securitário, apesar dos cargos executivos ainda estarem predominantemente do lado masculino. Mas as ações práticas têm que ser implementadas, as empresas têm que definir metas e indicadores, como na redução da diferença entre cargos ocupados por homens e mulheres e na proporcionalidade dos executivos.”

Solange Beatriz ainda citou as ações que a CNseg tem implantado para valorizar a diversidade dentro da Confederação. 

“Na CNseg, encontramos apoio para criar o Dia da Diversidade e Inclusão no Setor de Seguros, comemorado no dia 25 de setembro, acolhendo talentos e propiciando uma carreira no mercado de seguros. Nós estamos iniciando um programa interno de diversidade e a primeira palestra será com os líderes. É do primeiro escalão para baixo que deve acontecer essa conscientização e impulsionamento”, conclui Solange Beatriz.  

O encontro virtual foi transmitido pelo canal do CQCS no YouTube e contou com a participação da advogada e sócia do escritório Mattos Filho Advocacia Camila Leal Calais e da Diretora de Redação da Revista Apólice, Kelly Lubiato.
Formada em jornalismo, Kelly afirmou que o começo da carreira foi visto com muita desconfiança por ser jovem e mulher. E esse sentimento, segundo ela, ficou ainda mais evidente em outras pessoas quando decidiu abrir sua própria empresa. Kelly acredita que as mulheres ainda têm que derrubar a barreira do medo imposta por gerações anteriores. 

“As mulheres, às vezes, têm medo ou não se acham capazes de aceitar um desafio maior. Mesmo tendo mais formação, sendo mais aptas ao cargo, existe um certo receio de ousar. Eu tenho duas filhas e é isso que eu tento ensinar para elas. Aquele medo que a gente tinha de fazer as coisas por ser mulher, a próxima geração não pode ter”, disse. 

Camila Calais citou que, diferentemente do que acontecia no passado, a temática da igualdade de participação das mulheres no mercado de trabalho está sendo mais discutida.  
“Quando eu comecei a trabalhar no setor, há uns 17 anos, a gente não tinha pauta para conversar sobre esse tema e hoje a gente vê efetivamente a temática na mesa. O próximo passo é saber o que fazer daqui para frente. Como que a gente vai tornar os ambientes corporativos tão acolhedores a ponto de qualquer talento querer trabalhar para essas empresas”, afirma Camila. 

O webinar foi conduzido por Gustavo Dória, fundador do CQCS, que enalteceu a trajetória das mulheres no mercado de seguros. “Cada um é do tamanho que escolhe, você é do tamanho do seu sonho. Tem muita mulher faixa preta no nosso negócio. Nosso mercado está cheio de mulheres incríveis”, finalizou. 

Confira abaixo o webinar na íntegra

CONTEÚDOS RELACIONADOS

© Copyright - CNseg

© Copyright - FenSeg

© Copyright - FenaPrevi

© Copyright - FenaSaúde

© Copyright - FenaCap

© Copyright - Educação em Seguros

© Copyright - Poder Público